terça-feira, 22 de maio de 2012

ADORAÇÃO X LOUVOR

      Uma vez ouvi e gostei mto um conceito sobre o  que é adoração e o que é louvor.  

LOUVOR - é prestar culto a D'us pelo que fez
                     ex.: foi curado, ganhou uma promoção inesperada, achou algo q há mto procurava. . .

ADORAÇÃO - é prestar culto a D'us por ser D'us
                     ex.: está lavando louça e dá uma vontade enorme de cantar e vc canta cânticos q exaltem a D'us.

Entendeu?  Bem, ñ dá pra fazer um desenho . . . rsrsrrsss
     O problema é q ñ há mais em mtas igrejas espaço para a adoração. . . até msm os cânticos q ñ pedem nada, nem agradecem por algo, qnd cantados, ministram olhando para algo, direcionam para alguma bênçao q se conseguiu ou vai conseguir.

     Eu sou um árduo defensor (escrevi bonito) de q adoração ñ é somente com músicas lentas, acredito puramente q pode ser com qlq ritmo, já me percebi adorando ao som de rap, rock pesado. . . pq evito ao máximo me colocar no automático:  toca uma música lenta e logo cai de joelhos e faz cara de contrição. . .
    
     Voltando ao problema, a bíblia diz: em João 4.23:  "Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade, porque o Pai procura a tais que assim o adorem." Sinto q D'us já ñ aguenta mais de tanto procurar e ver tão poucos realmente adorarem.  Nos cultos q ministro tenho por costume dizer q "vc tem q eskecer seus problema e engrandecer a D'us" . . . Mtas pessoas assim q começam a cantar logo lembram das contas q ñ conseguiram pagar, de alguém q está doente, do casamento q está falindo, dos filhos desobedientes, do namdorado q  ñ é crente (essa é forte), da namorada q lhe deu um chute no trazeiro. . . e por aew vai. . . 
      É mto difícil vc ouvir alguém ministrando:  "apenas sinta D'us e diga palavras q ele goste de ouvir, esqueça o q vc tem e quem vc é . . ."

      Para piorar nossos cânticos, principalmente os pentecostais, só falam em vitória ou te levam a uma posição de falsa humildade de modo depressivo. 
         Ñ espere por ngm, antecipe-se e comece a adorar. . . D'us está te procurando!



4 comentários:

  1. Quando eu era muleque, estava no auge de um jogo de fliperama chamado Street Fighter 2. Nesse jogo (de luta) se você batesse muitas vezes no adversário, ele ficava tonto por alguns segundos, com estrelas ou pássaros na cabeça, e balançando pra frente e pra trás. Alguns jogadores, provavelmente adeptos do candomblé, associaram o movimento do personagem/jogador ao que eles chamam de 'bolar no santo', que seria a prévia para a manifestação da entidade. Desde então, a gíria 'bolou', 'bolado', etc tem percorrido nosso dia-a-dia.

    Tendo essa informação em mãos, sugiro que o pr reconsidere a aplicação da expressão 'Deus tá bolado', por outra de menor impacto para imagem e pureza de Deus.

    No mais, concordo com o texto, acabou a adoração, e nem mesmo os louvores tem sido de certa forma sinceros. Graça e Paz!

    ResponderExcluir
  2. Antes cantávamos louvores de um jeito bem formal,ou com cara de santo,,,,agora cantamos como vitoriosos ou com muita contrição,,,na verdade qdo acaba akele monte de músicas voltamos ao mundo real como se nada tivesse acontecido,,,fico pensando o que Deus aproveita de tudo isso,,fico irada em muitas vezes ver pessoas dirigindo o dito louvor como se fosse um espetáculo e qdo acaba nem olha para os "irmãos" .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como Jsus´disse: "Mas a hora vem, e agora é" em q nem devemos ficar cantando travestido de "santo' ou de "cristetes"

      Excluir

Discordar é de graça e concordar é mais barato ainda.