terça-feira, 13 de março de 2012

NÃO FOI ACIDENTE

PROTESTENET

BEBER E DIRIGIR TEM QUE SER CRIME, NÃO FOI ACIDENTE!



A Lei Seca já está vigorando há três anos, mas os números de acidentes envolvendo embriaguez no trânsito não diminuíram nas estradas paulistas. Entre 2010 e 2011, o aumento foi de 128,67%, segundo dados do Comando de Policiamento Rodoviário. Destas ocorrências, 789 envolveram vítimas, sendo que 44 delas foram fatais.
Nas ruas da capital, os números também são desanimadores. Em 2011, cerca de 220 mil pessoas foram submetidas ao teste do bafômetro, sendo que quase cinco mil estavam alcoolizadas. Para o advogado da campanha Não Foi Acidente e presidente da Comissão de Trânsito da OAB-SP, Maurício Januzzi, os motoristas já sabem que não são obrigados a fazê-lo. “Para a OAB, o limite de tolerância de álcool no sangue deveria ser zero”, afirma.
O movimento Não Foi Acidente foi idealizado por Rafael Baltresca, palestrante motivacional, depois do acidente envolvendo a mãe e a irmã, atropeladas e mortas por um motorista que dirigia embriagado, em frente a um shopping na capital paulista. Não Foi Acidente propõe alteração nas leis de trânsito exigindo mais punição para os motoristas que dirigem alcoolizados. A petição pública, que pretende recolher 1,3 milhão de assinaturas e, atualmente tem cerca de 200 mil, está disponível na internet através do site www.NaoFoiAcidente.org




Vamos fazer nossa parte, assine a petição AQUI!